-O DESAFÍO DE SEGUIR A JESUS!

-O DESAFÍO DE SEGUIR A JESUS

“Muitos de seus discípulos, ouvindo isto, disseram: Duro é este discurso, quem o pode ouvir?”. S. João 6:60.

A afirmação do texto acima, é fruto da reação daqueles homens após ouvirem um dos inúmeros sermões de Jesus.

Jesus teve duas fases distintas nos seus 03 anos de Ministério, quando pisou esta terra, mas precisamente na Palestina. Na primeira ele desfrutou de uma popularidade nunca vista antes, por parte da multidão que se aglomerava e o procurava 24 h. por dia. Na segunda esta mesma multidão que aumentava assustadoramente a cada dia, simplesmente desapareceu. Jesus iniciou a sua missão numa festa de casamento, onde operou o seu primeiro milagre transformando água em vinho. Daí em diante uma sequência de milagres, prodígios e maravilhas conforme narra a Bíblia, a qual também nos diz que se fossem registrados todos os que ele operou, muitos volumes de livros não poderiam contê-los. Jesus havia acabado de multiplicar os pães e andado por cima do mar. Do outro lado, o aguardava o povo na expectativa que acontecesse outro show de milagres, mais pão de trigo novamente para fartá-los. Para a surpresa deles, Jesus traz na sua mensagem inflamada, o pão espiritual que lhes causou uma tremenda indigestão. Apartir daí, este fato fez com que as multidões que afluíam à sua procura, fossem desaparecendo vertiginosamente.

Nos dias de hoje, estamos presenciando pela TV; multidões, templos superlotados. Cada qual apresenta seu discurso afinado com os anseios das pessoas. Homens sem nenhum escrúpulo de Bíblia na mão, chegam ao extremo com promessas irresponsáveis de “falsa prosperidade”  propaganda enganosa; num misticismo descomunal; atraindo para si multidões que se revezam em até seis ou mais reuniões diárias em seus templos, tornando-os mega empresários da fé. São mensageiros do “evangelho”: Me engana que eu gosto!

Não sou contrário a operação de milagres o que é Bíblico, porém quando esses são autênticos e com a motivação certa.

Compará-los a atitude e comportamento de Jesus, chega a ser ridículo e absurdo.

Será que seguir a Jesus é assim tão fácil como eles apregoam? Claro que não. Seguir ao Nazareno requer renúncia, como ele afirmou: Se qualquer um de vocês quiser ser meu seguidor, disse-lhes Ele, deve por de lado os seus próprios prazeres, tomar sobre os ombros a sua cruz, e seguir-me de perto. Marcos 8:34. (Tradução Bíblia Viva).

Como é fácil ser seguidor deles, basta levar-lhes o dinheiro e estamos conversados. Não foi esta a prática de Cristo.

Espero que esta mensagem lhe sirva de alerta, contra os falsos pregadores; que com certeza irão prestar contas de seus atos gananciosos, quando ele (Jesus) os dirá: “Apartai-vos de mim vós que praticais a iniquidade!” Mateus 7:22 e 23.

Pense nisto!

Pb. Ginaldo Américo dos Santos.